DEM quer viabilizar nome para disputar o Governo do Piauí

O vereador do DEM em Teresina, Markim Costa, disse que o partido a candidatura majoritária seria importante para fortalecer o partido

10 de junho de 2021, às 11:00 | Tarcio Cruz

Uma terceira via que pode decidir a eleição estadual em 2022, assim membros da oposição analisam uma possível candidatura do ex-senador Heráclito Fortes no Piauí. 

Afastado do cenário político desde 2018 quando não se reelegeu para a câmara federal, Heráclito é defendido por membros do DEMOCRATAS como um nome viável e o partido busca se fortalecer nas maiores cidades onde possuí força para solidificar o nome do ex-deputado.

No comando de duas das dez maiores cidades do Piauí, Parnaíba e União, e com ampla atuação em Teresina e Floriano, o DEMOCRATAS pode também dar “palanque” para um candidato a presidência de centro, estratégia que a sigla está desenvolvendo em diálogos com o PSDB e outras legendas.

O vereador do DEM em Teresina, Markim Costa, destacou que para o partido a candidatura majoritária seria importante, resta porém a construção de uma base sólida com outros nomes.

“Acho sempre importante os partidos terem candidaturas majoritárias, por que assim estarão na mídia e passarão a mensagem para o eleitor. O nome do deputado federal, ex-senador Heráclito Fortes tem o serviço prestado em todo o Piauí e tem um nome muito forte, mas temos também que completar uma chapa forte para ele se viabilizar, nomes para deputado federal e estadual. Importante os candidatos identificarem o partido sem dono de vaga para termos sucesso”, finalizou o parlamentar.

Vereador Markim Costa