Vídeos serão usados para multar locais com multidão em Teresina

Nos últimos sete dias, trinta estabelecimentos foram notificados e dois autuados por permitirem pessoas sem máscara

26 de abril de 2021, às 11:10 | Cobertura Coronavírus

A FMS (Fundação Municipal de Saúde) através da GEVISA (Gerência de Vigilância Sanitária) vai utilizar vídeos para multar estabelecimentos onde ocorreram aglomerações no último final de semana em Teresina.

Os locais serão autuados e multados por descumprirem as medidas estabelecidas em decreto de combate a COVID-19. Todos os vídeos mostram eventos com grande quantidade de pessoas, a maioria sem máscaras .

Quando os vídeos chegam durante a fiscalização, as equipes vão até o local mas alguns já haviam encerrado. Mesmo assim, os fiscais voltarão a estes estabelecimentos onde será aberto um processo administrativo com auto de infração.

O decreto da Prefeitura de Teresina permite que em bares e restaurantes tenha música ao vivo mas proíbe aglomeração, pessoa sem máscaras e dança.

Nos últimos sete dias, trinta estabelecimentos foram notificados e dois autuados por permitirem pessoas sem máscara. Os valores variam de R$ 500 a R$ 17.000,00.

As denúncia podem ser feitas de segunda a sexta, pelo telefone (86) 3215-9102. Em outros horários e nos finais de semana o telefone é o 190 da Polícia Militar.

Vigilância vai utilizar vídeos para identificar aglomerações