Motoristas de ônibus param atividades na zona sudeste de Teresina

O SETUT alega que o problema é dos trabalhadores com o consórcio Consórcio Theresina e não pode se manifestar sobre o caso

01 de fevereiro de 2021, às 10:30 | Editoria de Municípios

Cerca de 41 ônibus que circulam na zona sudeste de Teresina paralisaram as atividades na manhã desta segunda-feira (01/02). Aproximadamente 200 motoristas e cobradores, que fazem parte do Consórcio Theresina, participam do movimento. 

Os trabalhadores alegam que estão sofrendo retaliação por conta das manifestações ocorridas na semana passada. Eles relatam que estão sofrendo assédio moral e muitos foram demitidos. Com relação as primeiras reivindicações, até agora, nada foi resolvido.

Uma das reclamações é falta de material básico de prevenção a COVID-19 como equipamento de proteção individual. 

O SETUT alega que o problema é dos trabalhadores com o consórcio Consórcio Theresina e não pode se manifestar sobre o caso.

O OUTRO LADO

O Portal Douglas Cordeiro não conseguiu contato com o Consórcio Theresina mas o espaço está aberto para a manifestação da sua defesa.

Cerca de 41 ônibus estão parados