Dr. Pessoa e Robert Rios visitam sede do Lagoas do Norte em Teresina

O programa está na sua segunda etapa, com previsão de U$ 88 milhões para serem aplicados em recursos do Banco Mundial

24 de abril de 2021, às 15:30 | Editoria de Municípios

Na manhã deste sábado (24/04) o prefeito de Teresina doutor Pessoa esteve na Unidade de Gerenciamento do Programa Lagoas do Norte (UGP), traçando metas para a conclusão do projeto. Na oportunidade, estiveram presentes o vice-prefeito Robert Rios e o secretário municipal de planejamento, João Henrique Sousa.

O primeiro ponto visitado foi o Canal do Matadouro, uma obra que, mesmo antes de ser concluída, já mudou a realidade do bairro com a construção de 4,3 km de rede de esgotamento e a drenagem adequada para o escoamento das águas da chuva que correm pelo canal. O local receberá instalação de piso, pista de caminhada, iluminação, playground, bancos, lixeiras e outros equipamentos.

"Dentre todas as obras, a do canal do matadouro é a que vai ser concluída mais rapidamente. Nós estamos fazendo uma nova licitação, devido a duas empresas terem abandonado a obra. A expectativa é de que esteja concluída em seis meses. Estamos reestruturando o projeto, tanto a parte estrutural, quanto a parte social", disse Bruno Quaresma, diretor do Programa Lagoas do Norte (PLN).

Ao todo, o programa está investindo atualmente cerca de R$ 23 milhões em obras de drenagem, saneamento básico e requalificação do Canal do Matadouro e três lagoas situadas na zona norte da capital: Mazerine, São Joaquim, Piçarreira e Oleiros.

"A Administração do doutor Pessoa pretende concluir esse projeto em três anos no máximo. Tivemos uma reunião com o Banco Mundial e a nossa busca é essa. O prefeito hoje está visitando todo o projeto, vendo o que é necessário e preciso para recuperar todas as áreas degradadas do entorno do PLN", ressaltou João Henrique Sousa, secretário de planejamento.

As obras do PLN foram projetadas para resolver o problema histórico de alagamentos e inundações nas regiões das lagoas, que afetava a vida das famílias que precisavam se abrigar em escolas, quadras esportivas e por vezes passavam meses longe de casa. Com as obras já realizadas, as comunidades que vivem no entorno das lagoas do Cabrinha e Lourival, região do bairro Mafrense e Matadouro, deixaram essa dura realidade para trás.

"O Projeto Lagoas do Norte tem 50% das obras concluídas em cerca de 12 anos, e a nossa meta é concluir todo o projeto em três anos. E isso vai fluir em um curto espaço de tempo porque trabalhamos de forma integrada, por isso os resultados vem de forma natural e consistente. Vamos transformar esse local, alinhando a natureza com a economia e o social. Estou muito feliz com a nossa gestão, que trabalha incansavelmente para oferecer o melhor para população de Teresina, destacou Dr. Pessoa.

O prefeito também falou sobre a segurança das comunidades que são abrangidas pelo PLN. O Parque Lagoas do Norte, por exemplo, vem sofrendo com furtos da fiação, deixando o local sem iluminação e propiciando um ambiente favorável para prática de crimes.

"Vamos realinhar também a segurança do local que tem sofrido constantemente com a criminalidade. Vamos acionar os órgãos de segurança, que juntamente com a Guarda Municipal que preza pelo patrimônio público, deverão mudar a realidade da segurança desse lugar", concluiu.

O Lagoas do Norte é um programa inserido na Secretaria Municipal de Planejamento e Coordenação. Ele tem cunho integrado e multissetorial, reunindo ações sociais, de desenvolvimento econômico, culturais, obras de saneamento básico, drenagem e urbanização de áreas degradadas, ambientais e de prevenção à violência. O programa está na sua segunda etapa, com previsão de U$ 88 milhões para serem aplicados em recursos do Banco Mundial. As obras, ações e projetos do PLN são realizados em uma área formada por 13 bairros da região Norte da cidade.

Visita a sede do Lagoas do Norte